Antonio José Fonseca


15/01/2020 17:00:00

Foto: acs.com

Fim do Windows 7

Microsoft anuncia o fim do Windows 7. E agora?, o que você precisa saber e fazer...

Windows 7 EOL
Pois é... A história se repete. E mais uma vez a Microsoft anuncia o fim di ciclo de vida de uma versão do Winodws. Desta vez a Microsoft anunciou ontem, 14 de Janeiro de 2020, o fim de todas as tividades de atualização e suporte ao Windows 7, lançado em 2009.

Com isto, se você possui computadores que ainda utilizam esta versão, seus dispositivos ficarão cada vez mais vulneráveis e frágeis em termos de segurança, além de eventualmente, não poderem mais executar certos programas ou acessar diversos websites.

Mas o Windows 7 não foi o único produto que teve seu fim da vida, ou end of life, anunciado. Também no dia 14 de Janeiro, as versões Windows Server 2008 e 2008R2, assim como algumas versões do Windows 10, deixaram de receber atualizações e suporte. Além desses, o SharePoint Server 2010, Exchange Server 2010, Project Server 2010 e Office 2010 estão programados para serem descontinuados no dia 13 de Outubro de 2020. (Veja lista completa com datas)

"E o que fazer?", você deve estar perguntado. Bem, a primeira coisa é saber se seu equipamento pode recer a atualização para o Windows 10. Em caso afirmativo, faça o download e a instalação do Windows 10 diretamente do site da Microsoft (link no final do artigo). Ou procure um profissional para fazer essa verificação e instalação. O Windows 10 Home Edition (para usuários caseiros ou empresas que não tem redes estruturadas e políticas de domínio), custa US$139. Já a versão Pro, para empresas com políticas de domínio ou grande empresas, tem um custo de US$200. Lembrando que este valor é por cada equipamento.

E lembre-se, não cai na conversa de algumas pessoas de que podem colocar uma chave de ativação de outro computador, ou usar ou gerador de chaves da internet para "registrar" seu Windows, afinal, isto é considerado crime federal no Estado Unidos e no Brasil, sujeito a multa de até 25 vezes o valor do produto por cada cópia "pirata", além de cadeia.

Para terminar, como se diz aqui nos EUA, "Better safe than sorry!"

Um grande abraço e at'e à próxima.


Link para verificação de compatibilidade de hardware com Windows 10: clique aqui
Link para compra do windows 10: clique aqui


 
FONTE: Microsoft

Redes Sociais