Papa Francisco praticamente proíbe missas em latim

Líder católico tradicionalista considera a medida uma 'declaração de guerra'

Por Redação - Revista EXATO
19/07/2021 10:14:00

O papa Francisco limitou o uso de missas em latim, revertendo uma decisão do ex-papa Benedito 16, que continua vivendo no Vaticano. A restrição vai contra os católicos tradicionalistas que exercem o direito de celebrar a missa em latim, garantido por decisão do papa anterior.

 

Francisco não só reverteu a decisão como estabeleceu novas restrições. Segundo o jornal Washington Post, o atual papa considera que os que defendem a missa em latim “fortalecem as divergências, e encorajam as divergências que ferem a Igreja”.

 

O presidente da fundação católica conservadora Lepanto, Roberto de Mattei, discordou da medida, afirmando que a missa tradicionalista não apenas “comemora” o sacrifício de Jesus como a faz presente aos fiéis, mantendo a “ideia do mistério sagrado, pronunciado em latim, que é a linguagem sagrada da Igreja”. De Mattei considera a ação de Francisco uma “declaração de guerra” contra as próprias tradições da Igreja. “Ele está se distanciando não só dos grupos e movimentos tradicionalistas, mas indo contra uma interminável tradição de papas, santos e doutores da Igreja.”

FONTE:

Redes Sociais